Empreendedorismo Digital, Crie Um Negócio para Chamar de Seu

Tempo de leitura: 6 minutos

O empreendedorismo digital vale a pena? Como começar? Essas são perguntas muito recorrentes entre aqueles que buscam novas oportunidades de negócio, e não sem motivo.

A inclusão digital tem feito o número de usuários de internet expandir massivamente nos últimos anos ao redor do mundo. Isso naturalmente é algo extremamente positivo, pois mostra o quanto a web tem sido importante na comunicação e integração social.

Mas engana-se quem pensa que esse é o único benefício que ela pode pode trazer. Utilizada também para fins de entretenimento, a internet nos últimos anos vem ganhando força mesmo é por sua contribuição com o empreendedorismo.

O cálculo é simples: onde há público existe uma grande oportunidade de negócios. Considerando que hoje ela é utilizada por milhões de pessoas em todo o mundo, é seguramente o lugar que reúne o maior público em um único lugar.

Dito isso, voltamos à pergunta: como surfar essa onda e aderir ao empreendedorismo digital? Para responder essa questão, apresentamos a seguir uma série de dicas que vão ajudar quem deseja criar um negócio online para chamar de seu. Vamos lá!

O que é o empreendedorismo digital?

Antes de qualquer outra coisa é preciso entender o que significa na prática o empreendedorismo digital. A boa notícia é que não existe nenhum segredo quanto a isso. Trata-se do desenvolvimento de um modelo de negócio onde é possível ganhar dinheiro usando a internet.

Assim como acontece no mundo físico, a maioria dos modelos de negócios sustentáveis consiste na venda de um produto ou serviço. O que muda basicamente são as estratégias adotadas para a promoção e realização efetiva das vendas.

Quais as melhores opções de negócio online?

Entendida a primeira parte, o que você precisa ter em mente é que não existe uma fórmula mágica ou modelo de negócio que é por si só “melhor” que o outro.

O que existe é diferentes modalidades de empreendimentos para que você escolha aquele que melhor se adapta ao seu perfil.

Para que você possa entender melhor essa questão, criamos seis tópicos explicando sobre o tipos de negócios mais comuns que podem ser criados na internet.

Venda De Produtos

Como sugerido anteriormente, a venda de produtos é uma das melhores maneiras de se construir um negócio online. Nesse meio de empreendedorismo digital você pode definir o tipo de produto que deseja vender e definir se vai ou não trabalhar com estoque.

Sim, diferente dos negócios físicos, onde a criação de um estoque é praticamente obrigatória, trabalhando pela internet existe a possibilidade de vender mesmo sem estoque.

Para isso existem duas alternativas. A primeira é trabalhar como afiliado de lojas de varejo, como Submarino, Americanas, Magazine Luiza, dentre outros. No último tópico da nossa lista falamos mais detalhadamente sobre como funciona essa possibilidade.

Já a segunda alternativa é trabalhar com um modelo de negócios conhecido como “dropshipping”. Ele consiste em fazer parceria com um fornecedor para que este envie a mercadoria diretamente para o seu comprador.

Isso elimina a necessidade de manter estoque físico, pois o seu negócio na prática atua apenas como um intermediário na venda. Essa é uma estratégia que hoje é utilizada até mesmo por grandes varejistas do mercado.

Venda De Serviços

Outra possibilidade de negócio online interessante é a venda de serviços. Nesse caso, você pode se colocar à disposição para ensinar algo a determinado público.

Um exemplo pode ser um pianista. Ele pode vender consultoria ou aulas avulsas para quem deseja aprender ou aperfeiçoar seu talento como músico.

De modo geral, no entanto, não existe limite quanto ao que pode ser ensinado. Se você acredita que é bom o bastante em algo e que tem capacidade para prestar consultoria a outra pessoa, essa é uma boa possibilidade para empreender online.

Venda De Treinamentos

Seguindo a mesma linha da venda de serviços, você também pode vender treinamentos. Nesse caso, em vez de vender seu tempo de consultoria ou até mesmo aulas avulsas, você pode desenvolver um modelo de treinamento e comercializá-lo em forma de produto.

Isso é basicamente o que chamamos de infoproduto, ou seja, informação em forma de produto. Trata-se basicamente da criação de um curso sobre determinado assunto que você domina.

Criação de um Clube de Assinaturas

A criação de um clube de assinatura é outra possibilidade interessante que vem ganhando destaque nos últimos meses. Isso consiste basicamente em oferecer algo periodicamente mediante a recorrência no pagamento.

Isso pode ser tanto uma assinatura de revista digital quanto produtos de consumo recorrente, como café, vinho, cerveja, dentre outros. Hoje em dia existem muitos clubes de bebidas que fazem sucesso no Brasil, o próximo pode ser o seu.

Monetização com Espaço Publicitário em Blog

Aqui temos uma das modalidades mais tradicionais da internet e que, embora já não esteja mais em seus anos de glória, ainda pode levar ao sucesso.

Basicamente consiste na criação de um blog ou site sobre determinado assunto e exploração de espaço publicitário de acordo com a audiência que a página conquista.

A venda desse espaço publicitário em seu site pode ser realizada de maneira direta, por meio de contato com empresas do nicho. Mas também é possível utilizar um programa de afiliados que pague por visualizações ou até por clique, por exemplo.

Dentre as opções estão o AnunciAD e o Google Adsense, por exemplo.

Divulgação como Afiliado

Por fim temos aqui a opção de trabalhar como afiliado. Essa modalidade de empreendedorismo digital é uma das que estão em alta na atualidade, muito em função da facilidade para quem deseja iniciar nesse universo.

Basicamente, você não precisa fazer grandes investimentos para começar nesse mercado. Em vez disso, você se cadastra em uma plataforma de afiliados e escolhe o produto que deseja divulgar.

O sistema gera um link para divulgação e cada vez que alguém compra um determinado produto por meio desse link você recebe uma comissão. Hoje em dia você pode divulgar tantos produtos físicos, como produtos digitais.

No primeiro caso, seu cadastro pode ser feito em lojas de renome, como Americanas, Submarino, Kabum, Magazine Luiza e muitos outros. Dessa forma você pode promover os produtos dessas lojas e ser comissionado por cada venda realizada.

Já no segundo caso, você pode se cadastrar em um sistema de afiliados como Hotmart, Monetizze ou Eduzz, por exemplo.

Tratam-se de plataforma onde você pode escolher infoprodutos (lembra que falamos deles anteriormente?) para fazer divulgação e ganhar comissões a cada venda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *